Empreendedorismo: 5 dicas para ajudar o microempreendedor

O microempreendedor individual, mais conhecido como MEI, é um dos principais títulos de pequenos empreendedores no Brasil e tem sido usado para que muitos consigam realizar o sonho de ter o seu próprio negócio.

Sabemos bem que empreender é um grande desafio, só quem abraça essa jornada entende tudo o que existe dentro dela e como os mais diversos problemas e benefícios de empreender traz para a rotina de quem passa por esse processo.

Por isso, muitos que possuem o desejo de abrir o seu próprio negócio ou até mesmo oferecer os seus serviços ficam com medo do que podem encontrar nessa jornada. E por falar em serviços, existem empreendedores que prestam os mais diversos, como:

  • Consultorias;
  • Consultas médicas;
  • Avaliações;
  • Aulas;
  • Produção de laudo nr13;
  • Produção de textos;
  • Edição de vídeo.

O fato é que muitas pessoas têm medo de empreender por não saber o que esse universo pode trazer para suas vidas, mas quando se sabe por onde começar e o que fazer, esse processo pode ser bem mais simples, e é justamente sobre isso que o conteúdo irá abordar.

5 dicas para ajudar um empreendedor iniciante

Tendo em vista as grandes dificuldades que microempreendedores possuem para dar início aos seus negócios no mercado, selecionamos 5 dicas para te ajudar a começar com o pé direito e com mais facilidade. Confira:

  1. Escolha um bom segmento

O primeiro passo é escolher bem o segmento de atuação que deseja trabalhar, ou seja, a área que irá oferecer o seu produto ou serviço. Por exemplo, um laudo cautelar veicular pode se encaixar no segmento de engenharia.

Escolher o seu segmento é justamente escolher a área na qual o seu produto ou serviço está inserido, pois é a partir disso que você conseguirá filtrar os seus clientes e obter resultados mais segmentados.

  1. Analise o mercado e as oportunidades

Outro ponto muito importante e que não pode ficar de fora é a análise do mercado ao qual você está inserido, assim como o seu segmento e as oportunidades que podem surgir a partir do mercado ao qual está inserido.

Analisar o mercado e as possibilidades é justamente entender como o laudo sistema de exaustão de uma empresa, por exemplo, pode inovar e oferecer o seu produto ou serviço de forma diferente aos consumidores a fim de obter mais resultados com isso.

  1. Organize sua vida financeira

Organizar a vida financeira é essencial para qualquer pessoa na vida pessoal e na profissional, e quando falamos de um microempreendedor isso é ainda mais importante, ou melhor, é necessário.

Isso porque muitos empreendedores não sabem como separar o que será lucro para ele e investimento na empresa, por isso é importante dividir tudo o que entra em sua conta como parte do seu lucro e da sua empresa para que ambos cresçam cada vez mais.

  1. Saiba cobrar o preço justo pelo que oferece

Por falar em dinheiro, também é importante ressaltar a atenção que você precisa ter ao cobrar o preço do seu produto ou serviço, seja ele um rastreador bloqueador veicular via satélite ou até mesmo uma avaliação nutricional, caso você seja um nutricionista.

Existem muitos empreendedores que, por começarem agora no mercado, desvalorizam o seu próprio trabalho e cobram um preço muito abaixo da média. Jamais faça isso, cobre um preço justo para o seu cliente, mas também para você, assim todos saem ganhando.

  1. Agregue valor ao seu produto ou serviço

Para finalizar, mas longe de ser menos importante, para que você cobre um preço justo sobre o seu produto ou serviço, é importante que você agregue valor ao que oferece, ou seja, que mostre aos clientes que aquilo é muito mais do que apenas um produto/serviço.

Por exemplo, uma câmera de segurança com áudio não é apenas uma câmera com áudio, mas um aparelho que irá trazer mais segurança para você e sua família. Percebe? Quando agregamos valor ao que oferecemos, a venda acontece naturalmente.

Considerações finais

Essas são dicas simples, mas que já fazem toda a diferença na rotina de quem está começando a empreender agora. Desafios sempre irão existir, mas quando se conta com um bom começo, tudo fica mais simples de se resolver.

Dessa forma você conseguirá construir um negócio do qual se orgulhe, trabalhando com o que ama e entende que fases ruins sempre irão existir, mas que você também estará pronto para enfrentar todas elas.Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Portal de notícias atualizado diariamente para você. Nossa curadoria de conteúdo é pensada exclusivamente para informar e entreter nossos leitores diários. Tenha a certeza de que em nosso portal de conteúdo, você terá sempre a melhor fonte de informação a sua disposição

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

dezoito − 17 =