Como saber se um investimento vale a pena? Confira as dicas!

São tantas opções na bolsa de valores que é comum o investidor iniciante se sentir perdido. Mas, antes de entender como saber se um investimento vale a pena, fique claro que a aplicação ruim, normalmente, é apenas um investimento errado.

Por isso, é necessário conhecer as regras básicas do mercado financeiro, acompanhar notícias econômicas e políticas nacionais e internacionais e estudar os ativos que tiver interesse.

São muitos aspectos que podem definir se uma aplicação está certa ou errada. Neste texto, vamos explicar tudo o que você precisa saber sobre como avaliar um investimento. Continue a leitura e confira nossas dicas!

Por que começar a investir?

Um investimento é a aplicação de capital em um ativo para, no futuro, atingir um retorno financeiro sobre ele. Quanto maior for a rentabilidade de um ativo, geralmente são maiores os níveis de riscos dele. Por isso, há opções de baixo risco, como a renda fixa, e de médio e alto risco, como a renda variável.

Logo, pelo seu maior índice de retorno sobre o dinheiro investido, vale muito mais a pena investir no mercado financeiro do que guardar o seu dinheiro na poupança. Ela pode perder valor, caso a inflação esteja maior do que a taxa SELIC.

Outro ponto relevante a se considerar é que há categorias de investimento para todos os tipos de pessoas e seus respectivos objetivos. Ou seja, dá para começar a investir com pouco dinheiro e deixar seu dinheiro trabalhar um pouco mais para você!

A quantidade de novos investidores não para de crescer: em janeiro de 2022, a Bolsa de Valores B3 bateu a marca de 5 milhões de contas de pessoas físicas. E tem mais: 50% desses novos investidores são jovens entre 25 e 39 anos.

Esses dados confirmam que a procura por cursos online sobre educação financeira cresce cada vez mais. Jovens, adaptados à tecnologia, ingressaram na bolsa e querem entender mais sobre finanças.

Quer mais motivos para começar a investir agora mesmo? Selecionamos as principais vantagens de aplicar seu capital.

Vantagens de investir

  • Garantir estabilidade financeira no futuro.
  • Construção de uma reserva de emergência para imprevistos.
  • Conquistar sonhos, como comprar um imóvel ou um carro, melhorar a aposentadoria, viajar ou morar em outro país.
  • Ter mais controle sobre sua saúde financeira.

Como saber se um investimento vale a pena?

Após entender melhor sobre o que é investimento e quais são os benefícios de investir, chegou a hora de aprender como saber se um investimento vale a pena.

Nossas dicas são baseadas em uma sugestão de passo a passo para você seguir e conseguir analisar diversas classes de ativos.

Até porque, o investimento não é bom ou ruim. Ele pode ser certo ou errado para você. Então, há muitos aspectos a se levar em consideração na sua tomada de decisão. Veja agora quais são eles!

Como avaliar um investimento?

  1. Entenda sua vida financeira

Antes de iniciar sua trajetória de investidor, é necessário que você aprenda e desenvolva um hábito de anotar e acompanhar sua situação financeira.

Em planilha ou com uso de aplicativos, é possível entender seus ganhos e suas despesas e o quanto de capital você pode disponibilizar para investir mensalmente.

Outra questão relevante aqui nesse primeiro passo é quitar as suas dívidas antes de mergulhar de cabeça na maré da bolsa de valores.

  1. Descubra o seu perfil de investidor

A resposta para a pergunta “como saber se um investimento vale a pena?” também engloba a definição do seu nível tolerância a riscos. Ao realizar o teste e descobrir qual é o seu perfil, você entenderá quais ativos estão alinhados com seu comportamento e objetivo.

Existem três tipos de perfil de investidor:

  • conservador: menos tolerante ao risco, prefere investimentos mais seguros;
  • moderado: pode se expor mais ao risco, mas ainda mantém a maior parte da sua carteira com investimentos mais seguros;
  • agressivo ou arrojado: totalmente tolerante ao risco, esse investidor aplica seus recursos em ativos com maior taxa de retorno, logo, mais instáveis

Além disso, ao definir o seu perfil comportamental, fica mais fácil determinar o seu objetivo financeiro e quais ativos podem ajudar a chegar lá.

Por exemplo, se seu objetivo é garantir uma aposentadoria adequada, deve-se usar a estratégia de longo prazo. Se for para comprar um carro, o ativo escolhido pode ser de curto a médio prazo. E, dessa forma, tudo se encaixa: sua meta, sua estratégia e os ativos escolhidos.

  1. Selecione os investimentos

Agora que você já entendeu seu objetivo e descobriu seu perfil de investidor, é o momento de estudar sobre os investimentos disponíveis de acordo com o valor que você pode aplicar e o prazo de resgate que deseja.

São muitas opções, como ações, títulos do Tesouro Direto, CDBs, fundos imobiliários, fundos previdenciários, dividendos, ações fracionárias etc.

  1. Foque na diversificação

Já ouviu aquela história de nunca colocar todos os ovos na mesma cesta? Isso aplica-se exatamente igual no universo financeiro.

De acordo com seu perfil de investidor, você deve montar uma carteira de investimento variada para ter mais segurança. Caso algum grupo de ativos não esteja com boa performance, outros tipos garantem o seu bom desempenho naquele período.

  1. Saiba escolher uma corretora

É muito importante saber como escolher uma corretora confiável e que ofereça os benefícios que você necessita. Com muitas alternativas no mercado, opte por analisar as mais conhecidas, como Rico, XP Investimentos e Clear.

Além de procurar por sua boa reputação, avalie a qualidade e a rapidez do suporte ao cliente e as taxas cobradas por cada uma delas. Entenda o quanto você gastaria com cada tipo de investimento escolhido.

  1. Aprenda a avaliar métricas e indicadores

Não adianta fugir: tornar-se um novo investidor requer algumas responsabilidades. E a de acompanhamento e análise de índices é uma delas.

Há duas formas de analisar uma ação: por meio da análise técnica ou fundamentalista. A primeira está mais focada em gráficos e a segunda avalia o cenário mais profundamente, também baseando-se em dados.

Ou seja: use e abuse dos números! Os resultados são sempre monitorados e expostos no site da B3. Há meios de acompanhar indicadores e métricas diariamente, aprendendo a interpretar dados e elaborar uma estratégia que faça sentido para você.

Acompanhe frequentemente os balanços patrimoniais das empresas pelas quais você se interessa, a relação entre preço e o lucro, o rendimento de dividendos, a taxa de liquidez, o retorno sobre patrimônio líquido, entre outros pontos.

Além disso, monitore gráficos sobre o comportamento de mercado, com compras e vendas de ações e entenda as flutuações no curto, médio e longo prazo.

  1. Estude sobre a empresa desejada

Depois de seguir todo esse passo a passo, é provável que você já esteja de olho em algumas ações ou outros ativos, certo? Então chegou o momento de realmente entender como saber se um investimento vale a pena: estude sobre a empresa emissora do papel.

Avalie o cenário financeiro da instituição e do mercado em que ela atua. Quais são as projeções? Quais são as tendências do mercado em um futuro próximo? Qual a possibilidade de lucro que ela oferece? Qual é o seu histórico no mercado financeiro?

Ou seja, toda essa avaliação e esse estudo sobre o mercado de investimentos ajuda a aprender como saber se um investimento vale a pena para você. Essa decisão envolve  muitos fatores pessoais, como a quantia de dinheiro poupada, os motivos dos investimentos, os prazos de resgate desejados, a tolerância ao risco etc.

Afinal, como saber se um investimento vale a pena? Dedique tempo, esforço e constância nos seus estudos e descubra quais aplicações você pode chamar de suas!

Portal de notícias atualizado diariamente para você. Nossa curadoria de conteúdo é pensada exclusivamente para informar e entreter nossos leitores diários. Tenha a certeza de que em nosso portal de conteúdo, você terá sempre a melhor fonte de informação a sua disposição

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

5 × cinco =