8 dicas de como gerenciar equipes remotas

As equipes remotas estão cada vez mais comuns em um mundo onde o home office ganha espaço continuamente. Nesse modelo de trabalho, as pessoas exercem suas funções de casa ou de qualquer outro lugar, por meio de computador e internet.

No Brasil, o formato passou a ser reconhecido legalmente em 2017, mas, desde 2020, vem se tornando cada vez mais popular. Trabalhar dessa forma parecia algo muito distante, porém acabou se mostrando uma excelente alternativa.

As empresas perceberam que trabalhar dessa forma reduz muito os custos e ainda melhora o nível de produtividade de seus colaboradores.

A organização não precisa arcar com a locomoção dos funcionários e nem com os gastos necessários para uma boa infraestrutura de trabalho.

Os profissionais, por sua vez, puderam estabelecer uma rotina mais tranquila, não preciso enfrentar o trânsito caótico das grandes cidades e podem até mesmo escolher seu horário de trabalho.

No entanto, os gestores se viram diante do desafio de gerenciar as equipes remotamente, algo que pegou muitos profissionais desprevenidos.

Pensando nisso, neste artigo, será possível compreender o conceito de equipe remota, a importância de fazer uma boa gestão dessas equipes e serão dadas algumas dicas de como gerenciá-las da melhor forma.

Saiba o que são equipes remotas

Equipes remotas nada mais são do que pessoas que trabalham em formato home office. Os funcionários realizam suas tarefas em casa ou em qualquer outro lugar que não seja a empresa para a qual trabalham.

Os colaboradores podem trabalhar em um escritório doméstico, espaços de trabalho compartilhados, cafés e até mesmo enquanto viajam.

Esse formato se popularizou porque traz muitos benefícios para os empregadores e empregados. Os funcionários de uma empresa de cartão magnético personalizado não precisam se deslocar até o trabalho e podem até mesmo escolher seus horários.

Trabalhar dessa forma contribui com a produtividade, reduz os índices de rotatividade, traz economia para a corporação e se mostra um formato muito mais sustentável.

Entretanto, os gestores se veem diante de um grande desafio porque não estão próximos de suas equipes, por isso, precisam contar com algumas ferramentas e estratégias que ajudam a coordenar os times.

Efeitos de uma boa gestão

O ano de 2020 foi um marco muito importante para o home office, visto que muitas empresas adotaram esse formato de trabalho. Com a ajuda da internet, os profissionais podem exercer suas funções de qualquer lugar.

Não é mais necessário estar presente fisicamente na empresa para realizar um bom trabalho e ajudar a corporação a alcançar seus objetivos. Porém, tudo isso só vai funcionar se houver uma gestão humanizada.

O almoço empresa é destinado apenas aos funcionários que precisam trabalhar presencialmente, como no caso daqueles que atuam em linhas de produção. Para aqueles que trabalham no formato home office, as necessidades são outras.

O gestor precisa trabalhar de maneira humanizada para ouvir suas equipes constantemente, por meio de um canal aberto para esclarecer dúvidas, ouvir queixas e acolher outras necessidades dos profissionais.

O canal precisa funcionar muito bem e o time precisa se sentir amparado, todas as vezes que precisarem de respaldo. Uma das opções mais usadas é disponibilizar um número de telefone para conversar.

As reuniões também são importantes para que os funcionários possam falar sobre suas expectativas, frustrações, compartilhar ideias, dentre outras possibilidades.

O diálogo precisa oferecer todo o suporte necessário para o colaborador e ajudá-lo a alcançar os resultados propostos. Se alguém demonstra uma dificuldade, o gestor deve estar atento e auxiliar no cumprimento das tarefas.

Assim como no ambiente presencial, é necessário fornecer feedback e demonstrar reconhecimento, pois isso ajuda os profissionais a se sentirem parte da equipe, mesmo que estejam distantes da empresa.

A companhia deve oferecer infraestrutura adequada para a execução das tarefas, tendo em vista que nem todos podem criar um escritório ou espaço apropriado em casa.

Alguns investem em projeto de som ambiente para residencia para tornar o local de trabalho ainda mais agradável e produtivo, no entanto, outros mal conseguem melhorar a qualidade da internet que têm em casa.

A empresa deve estar atenta a essas questões e garantir a estrutura necessária para o dia a dia de trabalho no formato remoto.

O gestor, por sua vez, pode oferecer algumas dicas para ajudar a manter o foco, organizar o espaço e ter mais qualidade de vida durante o expediente.

Como liderar uma equipe remota?

Para oferecer todo o respaldo necessário aos profissionais que atuam remotamente, o gestor deve conhecer algumas estratégias de gestão.

É assim que ele vai garantir que a empresa alcance seus objetivos e que os colaboradores mantenham a produtividade em alta. Algumas dicas para fazer isso, são:

1. Investir em comunicação assíncrona

Comunicação assíncrona estabelece um diálogo que não acontece em tempo real e as respostas são enviadas e lidas em momentos diferentes.

Um estúdio para ensaio musical pode adotar esse formato porque respeita os horários e rotinas de todos os membros, principalmente daqueles que vivem em outros países.

O trabalho presencial adota a comunicação síncrona, ou seja, interações que acontecem em tempo real, e quem trabalha no formato remoto costuma fazer isso por meio de videoconferências em aplicativos de mensagens.

Para escolher entre essas opções, é necessário levar em conta as necessidades da empresa e os horários de trabalho de todos os membros da equipe.

2. Descentralizar as tomadas de decisões

O repasse de decisões precisa ser mais flexível para que as informações circulem facilmente. Nesse sentido, o gestor precisa oferecer mais autonomia para os membros da equipe, de modo que não precisam responder aos superiores o tempo todo.

Em outras palavras, é importante demonstrar confiança na capacidade dos profissionais, independentemente do nível em que estejam e mostrar que confia neles.

Ao fazer isso, o gestor de um fabricante de canecas de chopp personalizadas acrilico terá mais tempo para suas atividades profissionais e manter o foco em melhorias nos processos internos.

3. Oferecer feedback constantemente

O feedback é uma ferramenta muito importante em qualquer formato de trabalho, e deve fazer parte das reuniões periódicas de equipes remotas.

Separe alguns minutos da semana para dar um parecer à equipe em relação aos pontos positivos e negativos do trabalho, e ofereça uma abertura para que todos possam expor suas opiniões.

4. Fazer videoconferências

As videoconferências com câmera ligada ajudam a humanizar o trabalho remoto. Quando a câmera está desligada, causa a impressão de que as pessoas estão ainda mais distantes.

O líder precisa mostrar que está sempre perto dos membros de sua equipe, e nada melhor do que mostrar o seu rosto para eliminar qualquer barreira na comunicação.

5. Estar sempre disponível

O gestor de uma loja de móveis para recepção de consultório precisa se mostrar disponível, pois assim os demais profissionais vão se sentir à vontade para chamá-lo, sempre que houver necessidade.

As pessoas precisam esclarecer suas dúvidas, falar sobre os resultados ou até mesmo oferecer um feedback. Toda vez que fizer uma videoconferência, deixe claro para os colaboradores que você está disponível sempre que precisarem.

6. Investir em integração remota

A integração remota ajuda a criar momentos para que todos os integrantes do time possam conversar sobre assuntos relacionados ou não ao trabalho.

Um exemplo disso é fazer um happy hour online ou até mesmo uma dinâmica de grupo. O importante é que os funcionários de uma empresa de cobertura policarbonato para escada possam conversar entre si e fortalecer seus vínculos.

7. Apresentar os projetos

Os projetos que a equipe vai realizar precisam de planejamento, e gestores de equipes remotas não apenas devem planejá-los, como também apresentá-los claramente para que todos possam focar na mesma página.

Os liderados devem estar cientes de informações importantes para a realização de projetos, tais como:

  • Metas de curto e longo prazo;
  • Panorama geral do projeto;
  • Cronograma de trabalho;
  • Prazos de entrega;
  • Tarefas de cada membro.

Ao fazer um bom planejamento e uma boa apresentação, todos os colaboradores entendem o que está sendo esperado e de que modo vão contribuir.

8. Organizar encontros presenciais

De vez em quando, um fabricante de adesivo personalizado para loja deve organizar encontros presenciais para que todos possam se conectar.

Esses encontros não precisam necessariamente ser para reuniões ou dias de trabalho presencial. A organização pode promovê-los para que todos possam conhecer um pouco sobre a cultura da companhia e fortalecer vínculos.

Considerações finais

O trabalho remoto é o futuro das empresas e os gestores precisam saber gerir suas equipes para manter a produtividade e o engajamento em alta.

Mesmo que todos estejam distantes fisicamente, a internet ajuda a quebrar barreiras geográficas e aproximar os funcionários. Com as dicas deste conteúdo, vai ficar mais fácil fazer uma boa gestão de equipe remota e alcançar bons resultados.Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Portal de notícias atualizado diariamente para você. Nossa curadoria de conteúdo é pensada exclusivamente para informar e entreter nossos leitores diários. Tenha a certeza de que em nosso portal de conteúdo, você terá sempre a melhor fonte de informação a sua disposição

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

três + 18 =